sábado, janeiro 31, 2009

Microsoft Windows no século XXI

Hey, aqui é o Anderson, vocês me verão mais vezes no blog a partir de agora, estarei semanalmente trazendo novidades do mundo da informática, espero que as mesmas sejam de curiosidade ou de alguma ajuda para vocês... Nesta semana irei dissertar um pouco a respeito da evolução do tão amado sistema operacional da Microsoft, o Windows e sua nova versão, o Seven.

O Seven só iria para o mercado após a consolidação do Service Pack 2 do Windows Vista - para os que não sabem, Service Pack é um pacote de atualização que a Microsoft lança para seus Sistemas Operacionais -, porém devido a resistência do público para com o Vista, o lançamento do Seven foi antecipado quase que um ano, pois a versão beta já está disponível para testes e segundo rumores não confirmados, a versão final estará sendo comercializada já no último trimestre de 2009.

O Windows XP foi um marco para o mundo da informática, um sistema rápido, de boa aparência, que trava muito menos e que disponibiliza uma imensa gama de possibilidades, arrisco dizer que o XP foi um divisor de águas tão grande para com os sistemas que o precederam, quanto o Windows 95 foi em sua época. 

Com o sucesso do XP a Microsoft foi desenvolvendo seu sucessor lentamente, a passos de tartaruga, o até então chamado Windows Longhorn estava demorando tanto para ser terminado, que segundo rumores Bill Gates jogou o projeto inteiro na lata do lixo, contratou outra equipe e a obrigou a construir às pressas uma nova versão para o Windows... E essa versão feita nas coxas foi o tão odiado Windows Vista.

O Vista perdia em desempenho e estabilidade para o XP, sua compatibilidade para com peças e periféricos fabricados anteriormente ao seu lançamento é pequena demais, muitos softwares, sobretudo sistemas de empresas não são compatíveis com o Vista... Esses foram os principais motivos que levaram muitos usuários a não adotarem esse Sistema Operacional.

Mas nem tudo no Vista são defeitos. A partir da versão Service Pack 1, ele apresenta menos problemas de instabilidade e seu desempenho melhora consideravelmente, sua aparência é bela e estilosa, a interface gráfica abusa tantos de gráficos que as vezes parece que estamos vendo um game ao invés de um sistema. Para computadores com configurações recentes, o Vista pode elevar o desempenho da máquina acima do XP, pois este último só gerencia até 4GB de memória (em sua versão Service Pack 3), HDs SATAs são emulados como IDE no XP, ou seja, não alcançam seu desempenho máximo, processadores de dois ou mais núcleos trabalham com menos recursos no XP e para games o Vista possui o DirectX 10, que melhora a renderização gráfica.

Porém mesmo com essas melhorias a má fama do Vista já está feita e nada pode salvá-la mais, por isso os executivos da Microsoft deixaram bem claro durante a apresentação do Windows Seven que os mesmos erros do Vista não serão cometidos.

O Seven é mais leve que o Vista, mesmo tendo interface gráfica similar, ele tem maior suporte para Hardwares mais potentes a serem lançados, ele trás consigo inovadores recursos de segurança e o que todos já devem saber, suporte para o multiscreen - o touchscreen pode ser usado em dezenas de pontos ao mesmo tempo, possibilitando muitas opções para aplicativos e games.

Talvez a maior novidade do Seven seja algo que a maioria das pessoas ignora, é o suporte online. Segundo a Microsoft, ainda está em construção um sistema de banco de dados de Drivers, onde o Seven poderá acessar, instalar e configurar os componentes e periféricos da grande maioria dos computadores, o que levará um grande contingente de usuários comuns a aprenderem a instalar e configurar seus próprios PCs, dispensando os técnicos de informática nas situações mais simples. 

Infelizmente isso é uma faca de dois gumes, pois com um Sistema que funciona online na maior parte do tempo como o Seven, a obsoleta internet discada da maioria dos brasileiros se torna uma inimiga mortal do novo sistema, assim como a pirataria. Não duvido que consigam pirateá-lo, mas será difícil um Windows irregular ficar acessando os recursos online.

Já concluindo, para os interessados em testar o Windows Seven, ele já está disponível para download tanto nas versões 32 e 64 bits, não irei por o link aqui, pois ele pode ser encontrado com dois cliques no Google. :D

Até a próxima.

3 comentários:

Paco D. Lee disse...

Vai ser mesmo bem difícil uma transição do XP, que já entrou no gosto popular e da maioria das empresas.

E realmente o Vista foi rejeitado pela sociedade e com a má fama que ganhou não adianta lançar atualizações porque ele não tem mais volta.

Agora, quanto ao Seven, você acha que já é indicado para usuários iniciantes instalar sua versão beta? Ouvi dizer que ela se auto-excluirá do pc de quem o fizer em um determinado período, três meses se não me engano. Aí ficamos a ver navios? XD

E as críticas quanto à possibilidade de corromper arquivos .mp3, procedem? [fonte: http://www.baboo.com.br/absolutenm/templates/content.asp?articleid=33808&zoneid=271&resumo=]

E, poxa! XD
Esse sitema online parece realmente legal, mas vai ser difícil resistir à versão hackeada. hahahaha!

Anderson Tadeu Manzini disse...

Hahaha
Não recomendo usuários comuns a usarem a versão beta.
Esperemos pacientemente até lançarem a versão final, e realmente espero que consiguam piratear, papai aqui é pobre. XD

Jaderson disse...

Legal, vou testar o seven assim q aranjar espaço no hd, consegui fazer meu outro pente de 1gb funfar, agora estou com 2gb, melhorzinho /louco por upgrade