quinta-feira, outubro 29, 2009

CinePersona #02 – George A. Romero

semterror Como já falei (ou ainda vou falar, postagens programadas) George A. Romero é a mente por trás do transporte da figura mitológica dos zombies para as telonas, e por conseqüência para a sociedade moderna. Ele estabeleceu uma série de elementos fundamentais em seu desenvolvimento e criou uma febre de filmes do gênero que hoje está mais forte do que nunca com o lançamento de sucesso de Zombieland.

Romero nasceu em 4 de Fevereiro de 1940, em New York e lançou sua obra-prima 28 anos depois, A Noite dos Mortos-Vivos (Nigth of Living Dead) daria início a todo um gênero.

Nos filmes dirigidos pelo mestre não há muito espaço para um aprofundamento na psique dos personagens, suas motivações muitas vezes são apenas superficialmente expostas - mas isso tem um sentido bem nítido, o mundo não espera por isso, você tem apenas que garantir estar vivo no momento seguinte.

image

Sua crítica social pode ser vista em detalhes de alguns filmes, como na morte de Duane, protagonista negro de A Noite dos Mortos-Vivos pelo grupo de resgate após ter sobrevivido a situações críticas com zumbis, ou com o incontrolável impulso consumista que levou O Despertar dos Mortos (Dawn of the Dead, 1978) a ser rodado em um shopping-center onde os zumbis ainda guardavam resquícios que os levavam a empurrar carrinhos, pegar roupas, etc. Em Dia dos Mortos (Day of the Dead, 1985) por sua vez os zumbis são "domesticados" pelos humanos, em sua soberba de tentar civilizar aquela espécie que já é evidentemente a desvirtuação completa do que entendemos por humanidade. E chegando a um ponto em que os papéis se invertem e o zumbi Bub se mostra muito mais humano que o líder da reserva militar, chegando ao ápice onde Bub atira no líder, vingando a morte do cientista que cuidava dele.

Esse é outro ponto interessante: no decorrer dos cinco filmes já lançados por Romero com a temática zumbi eles evoluem aos poucos. E essa evolução que digo é a utilização de ferramentas primitivas, manuseio de utensílios da sociedade moderna, desenvolvimento de sentimentos e demais fatores que culminam, em Terra dos Mortos (Land of the Dead), na disputa de território entre um grupo de zumbis organizados e um grupo de resistência humana!

  • Filmografia Destaque

image #03 – Dia dos Mortos – 1985

Em um mundo devastado pela ação dos zumbis a sobrevivência se localiza em isolados centros militares. Em um deles, onde se passa a história, um grupo conjunto de cientistas e militares busca uma forma de domesticar os selvagens que vêem a rodo de uma mina abandonada. Conflitos internos pela pressão causada pela constante iminência de morte faz as coisas saírem do controle.


image #02 – Despertar dos Mortos – 1978

Pressionados pela disseminação dos zumbis um grupo de pessoas se junta e invade um shopping center, buscando a sobrevivência. Porém, logo os zumbis cercam o local à espera de um vacilo dos vivos. A situação fica grave quando comida e água passam a ficar escassos e eles têm que buscar uma alternativa fora dali.


image #01 – Noite dos Mortos-Vivos – 1968

O começo de tudo. A obra que fundamenta todos filmes de terror daí em diante mostra um primeiro zumbi atacando um casal de irmãos que viajava pelos Estados Unidos, em estado de colapso após a morte de seu irmão, Barbra encontra Ben e junto com mais algumas pessoas eles tentam sobreviver em uma casa abandonada até que chegue socorro. Caso chegue.

Ah, só lembrando que o ano que vem reserva uma grata surpresa para os fãs do mestre. No ano que vem será lançado um remake do pouco conhecido The Crazies, filme em que os inimigos da vez não são zumbis, mas pessoas infectadas por um vírus que as mantém racionais e inteligentes, porém super violentas e sem a lucidez de distinguir amigos. Parecido com Extermínio (28 Days Later, 2002)? Pois bem, ele foi feito em 1973. Confira aqui o trailer.

2 comentários:

Diego disse...

bom eu so completamente ignorante na saga dos mortos vivos e ao que parece essa saga naum tem nada a ver com os filmes mortos vivos XD (1, 2 e 3)
seria possivel vc fazer um catalago com todos os filmes conhecidos ou que vc se lembre com nomes originais e os de lançamento brasileiro XD
vlw

Paco D. Lee disse...

Pode ser, Diego! Logo, logo faço uma lista com esses filmes que vêem para o Brasil e têm o nome completamente distorcido. (: